IMPACTO DOS GASTOS EM INVESTIMENTO NA DÍVIDA DOS ESTADOS BRASILEIROS: UMA ANÁLISE THRESHOLD

Autores

Resumo

O artigo analisa os efeitos dos gastos em investimento sobre a Dívida dos Estados brasileiros. A hipótese da pesquisa sugere que, devido à ausência de regras fiscais para as despesas com investimento, no conjunto de regras da Lei de Responsabilidade Fiscal, há um comportamento não linear na relação dívida-despesa com investimento devido ao uso dos investimentos públicos de maneira discricionária. Na análise empírica, é usada a metodologia de agrupamento de dados a partir de alguns indicadores fiscais. A partir dos resultados da análise de agrupamento, aplica-se a metodologia de painel, com efeito threshold, para identificar um comportamento não linear entre a Dívida e as despesas com investimento. Os resultados aceitam a hipótese de existência da não linearidade entre a Dívida e o investimento. O resultado está associado aos ajustes via despesa com pessoal em detrimento à despesa com investimento que se assistiu junto ao orçamento dos Estados após a implementação da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernando Motta Correia, Universidade Federal do Paraná

Doutor em Economia pelo Programa de Pós Graduação em Desenvolvimento Econômico da UFPR e professor do Departamento de Economia na mesma instituição.

Luiz Carlos Ribeiro Neduziak, UFPR

Doutorando em Economia pelo Programa de Pós Graduação em Desenvolvimento Econômico da UFPR

Downloads

Publicado

2017-07-12

Como Citar

CORREIA, F. M.; NEDUZIAK, L. C. R. IMPACTO DOS GASTOS EM INVESTIMENTO NA DÍVIDA DOS ESTADOS BRASILEIROS: UMA ANÁLISE THRESHOLD. Revista Brasileira de Estudos Regionais e Urbanos, [S. l.], v. 11, n. 2, p. 193–209, 2017. Disponível em: https://www.revistaaber.org.br/rberu/article/view/210. Acesso em: 4 dez. 2022.
Share |