IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CLUSTERS POTENCIAIS DE TURISMO NO NORDESTE: UMA ANÁLISE EXPLORATÓRIA A PARTIR DE DADOS DA PNAD

Autores

  • Poema Isis Andrade de Souza Graduação em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco. Ex-bolsista do grupo de iniciação científica PET-Economia da UFPE.
  • Raul da Mota Silveira Neto Professor do PIMES – UFPE. Doutor em Economia pela USP e pesquisador do CNPq.

Resumo

Este artigo tem como objetivo principal identificar a existência de
clusters potenciais de turismo no Nordeste, apontando sua dimensão econômica e características da mão-de-obra empregada no setor, como gênero, raça, idade, nível de instrução, rendimento e grau de informalidade. A identificação dos clusters na região foi realizada através do cálculo do Quociente Locacional (QL) e de duas medidas de Horizontal Cluster. A base de dados é fornecida pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) do IBGE, referente ao período 2002- 2005. Os resultados revelaram que o Nordeste apresenta clusters potenciais de
turismo, destacando-se em relação às demais regiões brasileiras. Os estados da região que se destacaram foram Bahia, Rio Grande do Norte, Pernambuco e Sergipe. Já a identificação de clusters de turismo nas regiões metropolitanas do Brasil foi comprovada para todas as localidades. No Nordeste, a RM de Salvador foi a que apresentou o maior potencial no setor, todavia, as regiões metropolitanas de Recife e Fortaleza também tiveram desempenhos favoráveis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-02-06

Como Citar

SOUZA, P. I. A. de; NETO, R. da M. S. IDENTIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CLUSTERS POTENCIAIS DE TURISMO NO NORDESTE: UMA ANÁLISE EXPLORATÓRIA A PARTIR DE DADOS DA PNAD. Revista Brasileira de Estudos Regionais e Urbanos, [S. l.], v. 2, n. 1, 2015. Disponível em: https://www.revistaaber.org.br/rberu/article/view/40. Acesso em: 29 set. 2022.
Share |