MIGRAÇÕES INTERESTADUAIS: UMA APLICAÇÃO DO MODELO GRAVITACIONAL PARA OS ESTADOS BRASILEIROS

Autores

  • William Barbosa Universidade Federal de Santa Maria - UFSM
  • Édivo de Almeira Oliveira Universidade Federal de Santa Maria - UFSM
  • Clailton Ataídes de Freitas Universidade Federal de Santa Maria - UFSM
  • Paulo Ricardo Feistel Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Resumo

O presente estudo tem por objetivo analisar a relação entre migração e as variáveis relacionadas aos fatores de atração/repulsão (renda média, média de anos de estudo da população, acesso à energia elétrica e à água encanada, violência, distribuição de renda e saúde) tanto na região de origem, quanto na de destino, no período de 2005 a 2014, para as Unidades da Federação (UF). Para cumprir esse objetivo, aplicou-se um modelo gravitacional com a metodologia de dados em painel. Como principais resultados tem-se que o rendimento médio recebido pelos indivíduos em uma determinada região é de fato um fator que influencia na sua decisão de migração. Além desse, outros fatores socioeconômicos (violência, concentração de renda e acesso à eletricidade), que recebem apoio no aporte da teoria institucional de migração, são capazes de influenciar nessa decisão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

William Barbosa, Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Economia e Desenvolvimento - PPGE&D/UFSM

Édivo de Almeira Oliveira, Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Economia e Desenvolvimento - PPGE&D/UFSM

Clailton Ataídes de Freitas, Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Professor Dr. do Programa de Pós-Graduação em Economia e Desenvolvimento - PPGE&D/UFSM

Paulo Ricardo Feistel, Universidade Federal de Santa Maria - UFSM

Professor Dr. do Programa de Pós-Graduação em Economia e Desenvolvimento - PPGE&D/UFSM

Downloads

Publicado

2016-12-16

Como Citar

BARBOSA, W.; OLIVEIRA, Édivo de A.; DE FREITAS, C. A.; FEISTEL, P. R. MIGRAÇÕES INTERESTADUAIS: UMA APLICAÇÃO DO MODELO GRAVITACIONAL PARA OS ESTADOS BRASILEIROS. Revista Brasileira de Estudos Regionais e Urbanos, [S. l.], v. 10, n. 2, p. 156–176, 2016. Disponível em: https://www.revistaaber.org.br/rberu/article/view/165. Acesso em: 13 jul. 2024.
Share |